Édipo

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O dramaturgo Elias Andreato revisita a tragédia de Sófocles e reconstrói a história de Édipo explorando a soberba do personagem, que o leva a matar o rei Laio, sem saber que era seu pai, e a se casar com Jocasta, sem saber que era a sua mãe, cumprindo o determinismo do oráculo de Delfos. O poder, que cega Édipo, torna-se motivo de escárnio. A peça provoca uma discussão profunda sobre o homem. As palavras de Sófocles tornam-se mantras que invocam desejos ocultos e sacrifícios na tentativa de se encontrar a luz ou as trevas.
{tab=Ficha Técnica}
Direção geral, adaptação e cenário: Elias Andreato
Texto: Sófocles
Elenco: Claudio Fontana, Tania Bondezan, Romis Ferreira, Nilton Bicudo, Clóvys Torres, Daniel Maia, Elias Andreato
Música Composta: Daniel Maia
Desenho de Luz: Wagner Freire
Figurinos: Laura Huzak Andreato e Marc Lab
Programação Visual: Elifas Andreato
Arte Final: João Oliveira
Fotos: Águeda Amaral
Assistente de Direção: André Acioli
Direção de Produção: Marlene Salgado
{tab=Fotos}
Fotos de Bob Souza
{tab=Imprensa}
Édipo pra lá de surpreendente, por Maria Lúcia Candeias – Aplauso Brasil, 16/05/2011
Édipo: montagem concisa de Elias Andreato, por Maurício Mellone – Favo do Mellone, 11/05/2011
Elias Andreato estreia nova montagem de ‘Édipo’ em SP, por Maria Eugênia de Menezes – O Estado de SP, 03/05/2011
A Noite é uma Criança, 03/05/2011
Cinecultura, 03/05/2011
Édipo – De Sófocles, Adaptado e dirigido por Elias Andreato, por Luiz Henrique Leão, 02/05/2011
{/tabs}

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.